Linha de Apoio808 200 199

Tratamento

O Tratamento para o Cancro Colo-rectal depende do seu estado de desenvolvimento quando é diagnosticado e pode incluir:

CIRURGIA:
Esta é a forma mais frequente, e a única que é por si curativa, de tratamento do cancro colo-rectal localizado.

RADIOTERAPIA:
Dependendo do tamanho do tumor, a radioterapia pode ser utilizada antes da cirurgia para diminuir o seu tamanho e tornar mais fácil a sua remoção, ou após a cirurgia para eliminar algumas células que não tenham sido retiradas.

QUIMIOTERAPIA:
Destrói as células cancerígenas pois interfere com a sua capacidade de divisão. Nalguns casos a cirurgia poderá ser suficiente para curar o cancro, mas noutros são necessárias outras formas de tratamento, nomeadamente a quimioterapia. Esta pode servir para completar uma cirurgia curativa. Nos casos em que a doença está num estado mais avançado ou espalhado (metastizado) o tratamento com quimioterapia pode ajudar a prevenir uma disseminação maior, ou a atrasar a evolução da doença.

ANTICORPOS MONOCLONAIS:
Substâncias produzidas em laboratório que reconhecem e que se ligam a alvos especifícos da célula cancerígena. O anticorpo monoclonal pode eliminar as células doentes e/ou recrutar o sistema imunitário do organismo para atingir o alvo. Os anticorpos monocionais são habitualmente utilizados em combinação com a quimioterapia e vieram melhorar significativamente as taxas de resposta ao tratamento, aumentando também a sobrevivência dos doentes.

Outubro 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031    
´
Europacolon nos media VER TODO O ARQUIVO





Visitantes

Flag Counter