Linha de Apoio808 200 199

Médico Convencional

A DoençaNúmeros da DoençaSintomas Fatores de RiscoRastreio Prevenção • Tratamento Médico Convencional • Tratamento Médico Não-convencional

 

O médico pode aconselhar a consulta com um médico especialista em cancro colo-rectal. O cancro pode ser tratado por diferentes especialistas, como sejam: gastrenterologista (trata doenças do aparelho gastrointestinal), cirurgião, oncologista e radioterapeuta. Pode ter um médico especialista diferente, para cada tipo de tratamento que vá fazer.

 

O tratamento começa, geralmente, poucas semanas após o diagnóstico de cancro. Regra geral, tem tempo para falar com o médico sobre as opções de tratamento e, se considerar necessário, ouvir uma segunda opinião para saber mais acerca do seu cancro antes de tomar qualquer decisão sobre o tratamento.

 

O Tratamento para o Cancro Colo-rectal depende do seu estado de desenvolvimento quando é diagnosticado e pode incluir:

CIRURGIA:
Esta é a forma mais frequente, e a única que é por si curativa, de tratamento do cancro colo-rectal localizado.

RADIOTERAPIA:
Dependendo do tamanho do tumor, a radioterapia pode ser utilizada antes da cirurgia para diminuir o seu tamanho e tornar mais fácil a sua remoção, ou após a cirurgia para eliminar algumas células que não tenham sido retiradas.

QUIMIOTERAPIA:
Destrói as células cancerígenas pois interfere com a sua capacidade de divisão. Nalguns casos a cirurgia poderá ser suficiente para curar o cancro, mas noutros são necessárias outras formas de tratamento, nomeadamente a quimioterapia. Esta pode servir para completar uma cirurgia curativa. Nos casos em que a doença está num estado mais avançado ou espalhado (metastizado) o tratamento com quimioterapia pode ajudar a prevenir uma disseminação maior, ou a atrasar a evolução da doença.

ANTICORPOS MONOCLONAIS:
Substâncias produzidas em laboratório que reconhecem e que se ligam a alvos especifícos da célula cancerígena. O anticorpo monoclonal pode eliminar as células doentes e/ou recrutar o sistema imunitário do organismo para atingir o alvo. Os anticorpos monocionais são habitualmente utilizados em combinação com a quimioterapia e vieram melhorar significativamente as taxas de resposta ao tratamento, aumentando também a sobrevivência dos doentes.

Junho 2017
DomSegTerQuaQuiSexSab
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 
´
Europacolon nos media VER TODO O ARQUIVO





Visitantes

Flag Counter